Que mistura, né? Mas tudo isto está relacionado. E a história é bem interessante. E começa em 1825 quando um químico chamado Faraday descobriu a substância chamada Benzeno. Dez anos depois, outro químico conseguiu decifrar a fórmula, mas não conseguiam descobrir como os átomos se organizavam na estrutura do benzeno.

Até então todos os compostos de carbono era representados por uma estrutura de cadeia linear. Como elos em uma corrente, como uma serpente. Mas este modelo não cabia no benzeno. E estuda, estuda… Pesquisa, pesquisa…

Kekulé (nome engraçado, mas o cara era químico) estava estudando o assunto,  escrevendo e ficou meio entediado (Ah, vá!) com sono. Acabou cochilando e sonhou… Com uma cobra que mordia o próprio rabo. Olha o texto dele mesmo contando (tirado daqui):

“Mas veja! O que era aquilo? Umas das cobras havia agarrado sua própria cauda, e essa forma girava zombeteiramente diante dos meus olhos. Acordei como que por um raio de luz; e então também passei o resto da noite desenvolvendo as consequências da hipótese.” (BENFEY, 1958, p. 21 apud USBERCO, SALVADOR, 2000, p. 74)

E foi assim que surgiu a concepção do anel de benzeno (mesma fonte):

A estrutura em anel

A estrutura em anel

Ok. E o aroma? Compostos que contém o anel são chamados aromáticos. Estes compostos têm cheiro? Pois é… Não! Nem sempre, mas o nome surgiu quando se estudavam substâncias de planta e acabou ficando para designar algumas características comuns aos compostos.

E por que tudo isto aqui no blog da Marré deci? Bem, porque você pode guardar esta história e um dia aborrecer seu filho adolescente contando tudo isto para elx. Mas também porque estes elementos são bem importantes na  química dos seres vivos:  existem três aminoácidos aromáticos (tirosina, triptofano e fenilalanina) e todos os nucleotídeos que constituem o código genético (adenina, timina, guanina, citosina e uracila) são estruturas aromáticas.

Além disto, nós vamos falar sobre os bodies serotonina e dopamina. Veja lá… estão cheios de aneis de benzeno!

Bodies Pequeno Cientista. Leve de brinde os aneis de benzeno!

Bodies Pequeno Cientista. Leve de brinde os aneis de benzeno!

Marina

Tags

No responses yet

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.